Instituto de Ciências da Arte - UFPA
E-mail
Memórias Cênicas 2017 promove apresentações literárias e de dança na Escola de Aplicação Imprimir
Escrito por Administrator   
Qui, 08 de Fevereiro de 2018 10:24

Com o tema “Na Cultura Paraense: carimbolando entre rios, ritmos, cores, saberes e sabores”, a Escola de Aplicação da UFPA realiza o “Memórias Cênicas 2017”. Com apresentações literárias e de dança, o evento ocorrerá nesta sexta-feira, 9, a partir das 7h30, na Escola de Aplicação da UFPA. A dinâmica faz parte da culminância das ações educativas de 2017 e tem o objetivo de divulgar a caminhada  pedagógica realizadas com os alunos do Ciclo de Alfabetização. O evento, voltado para toda a comunidade escolar, tem a entrada franca.

Programação - Após o acolhimento e concentração dos alunos no parque 1º Ano do Ciclo de Alfabetização, às 7h50, os discentes vão em direção ao salão Vermelho realizando o cortejo conduzido pelos alunos do 3º Ano do Ciclo com a “Banda Fanfarrinha do Terceirinho”. Às 8h10, começarão as próximas performances dos demais anos do ciclo, tais como Ciranda do Fausto; Contação de histórias e Trava-línguas; Poesia de Juraci Siqueira-Meu Canto; Histórias de Assombração, Jornal improvisado e o Forró dos Anjos; A Cor de Coraline e a Bruxinha Baiana de Bruno de Menezes; O canto dos Seringueiros da Amazônia e a Poesia: Ver-o-Peso de Max Martins; Todo ponto de vista é a vista de um ponto! Quem conta um conto, aumenta um ponto? Reconto de Histórias de Caboclo Paraense: Prainha; Urumajó, Apeú, Capanema e Aramanaí; Coração de Estudante: o sabido, o inventado, o vivido, o acolhido e o aprendido na jornada objetiva e subjetiva do/e/no Ciclo de Alfabetização.

Depois, às 9h30, será realizada uma visitação a Oca do Conhecimento (Salão Vermelho) em que serão lidas as mensagens -  Garrafa do Túnel do Tempo - escritas pelos alunos do 3º Ano em maio de 2017; e expostos as produções literárias dos alunos. Em seguida se fará o cortejo final, com o retorno à sala base, e cantos de carimbó e marchinhas de carnaval. Para finalizar o evento, às 10h, haverá um lanche e uma festa de confraternização na sala base.

Memória Cênicas - O evento tem importância por reviver as ações de ensino e de aprendizagem que visaram articular a cultura e o saber local ao saber historicamente construído por meio de sequência didática. Além disso, segundo a coordenadora pedagógica do Ciclo de Alfabetização, professora Josete Dias, o evento divulga o que foi ensinado durante o último ano, “de acordo com cada planejamento bimestral de modo a possibilitar vivencias curriculares inclusivas, críticas, interdisciplinares, artísticas e colaborativas entre os sujeitos envolvidos”.

Currículo Integrado - Assim, a Escola de Aplicação propõe um currículo integrado, “que traduz as intenções pedagógicas em atos, em um tatear pelo universo infantil, imaginário, lúdico e conceitual”, explica a coordenadora. De acordo com ela, a ação também exercita as vivencias dos discentes nas variadas linguagens oferecidas pela escola. Assim sendo, esta dinâmica possibilita  às crianças uma forma nova de experimentar a cultura local. “Por meio da temática Na Cultura Paraense: entre rios, ritmos, saberes e sabores, o Ciclo de Alfabetização, com uso de variadas metodologias, articulou suas ações para expressar um currículo ativo, em que criatividade, inventividade e cultura acadêmica são faces de uma mesma motivação”, conclui a professora.

Texto: Alice Palmeira - Assessoria de Comunicação da UFPA
Arte: Reprodução / Google

 

 

Copyright © 2016 Instituto de Ciências da Arte - UFPA

Avenida Presidente Vargas, S/N, Praça da República - Belém - Pará - Brasil, CEP 66017-060 - Tel: Secretaria: (91) 3241-5801, Fax: (91) 3241-8369. E-mail: ica@ufpa.br