Instituto de Ciências da Arte - UFPA
E-mail
Resultado do edital LabInfra beneficia 90 laboratórios e já foi publicado Imprimir
Escrito por Administrator   
Sex, 08 de Junho de 2018 09:02

Exatos 90 laboratórios da Universidade Federal do Pará (UFPA) receberão mais de R$ 5 milhões de reais para investir na atualização ou criação de laboratórios. O recurso foi distribuído às faculdades por meio do Subprograma de Apoio à Infraestrutura de Laboratórios de Ensino (LabInfra), cujo resultado já está disponível no site da Pró-reitoria de Ensino de Graduação (Proeg). Confira aqui.

A iniciativa modifica a forma e a distribuição de recursos, uma vez que permite que todos os cursos da Universidade disputem o investimento. Além disso, permite substituir carga horária de cursos que seriam usadas em aulas tradicionais, em sala de aula, para atividades dentro dos mais variados formatos de laboratórios de ensino existentes nos cursos.

Da Sala para o laboratório - Para o pró-reitor de Ensino de Graduação (Proeg), Edmar Costa, a decisão da Administração Superior de deslocar os recursos da Instituição à Pró-reitoria fim “representa uma iniciativa já avaliada como exitosa por conta da iniciativa pioneira do Edital 2017, pois transforma ou cria um laboratório de aulas práticas em ambientes fora da sala de aula, ambientes que não existiam ou se encontravam ociosos, sem utilização por conta da falta de investimentos. Com o LabInfra 2018, atendemos 90 projetos, ou seja, 90 laboratórios novos ou que passam a atuar em melhores condições, contemplando projetos na capital e nos demais campi”, detalha o pró-reitor.

Além de criar e aperfeiçoar laboratórios, o edital também garante seu funcionamento. “Os projetos podem receber até 50 mil reais para o momento de instalação ou aperfeiçoamento, e até 8 mil reais para cada um dos três anos seguintes, o que garante que esses laboratórios continuarão a funcionar”, ressalta Edmar Costa.

Projetos são acompanhados - A Proeg também acompanha cada projeto, avaliando a execução orçamentária e gastos de recursos. “Acompanhar esses recursos que nos são tão caros nesse momento de queda nos investimentos para as universidades é essencial. Por isso, a equipe técnica da Diretoria de Inovação e Qualidade do Ensino, coordenada pela professora Sheila Vilhena, vai até cada laboratório depois de verificada a utilização do recurso. E isso é importante até mesmo para corrigir trajetórias, quando recursos estão sendo aplicados fora do que foi previsto no projeto aprovado ou em materiais que não haviam sido previstos”, defende o pró-reitor.

O programa responsável pelo LabInfra iniciou-se em 2017 e prevê o investimento total de R$ 20 milhões de reais, ao longo de quatro anos. Até o final de 2018, terão sido investidos mais de R$ 10 milhões na iniciativa e outros R$ 10 milhões ainda serão investidos nos anos de 2019 e 2020.

Serviço:

Resultado Final do PGRAD-Labinfra/2018

Confira aqui o resultado.

Texto: Glauce Monteiro e Mariana Vieira - Assessoria de Comunicação da UFPA

Arte: Divulgação

 

 

Copyright © 2016 Instituto de Ciências da Arte - UFPA

Avenida Presidente Vargas, S/N, Praça da República - Belém - Pará - Brasil, CEP 66017-060 - Tel: Secretaria: (91) 3241-5801, Fax: (91) 3241-8369. E-mail: ica@ufpa.br