Instituto de Ciências da Arte - UFPA
E-mail
Seminário debate inclusão de pessoas com deficiência no Marajó Imprimir
Escrito por Administrator   
Sex, 08 de Junho de 2018 09:07

De acordo com o Censo 2010, três a cada dez paraenses possuem algum tipo de deficiência. Mas como garantir a inclusão dessas pessoas na sociedade? Esse é o tema que será debatido nos dias 8 e 9 de junho durante o II Seminário Inclusão de Pessoas com Deficiência no Marajó, realizado no Campus de Breves da Universidade Federal do Pará em Breves (UFPA), em parceria com o Movimento para Inclusão no Marajó.

Durante a programação será apresentado o Relatório Social dos Municípios, documento organizado pelo Movimento para Inclusão no Marajó a partir de entrevistas com familiares de pessoas com deficiência (PcDs) que vivem na ilha paraense. Iniciativas e projetos de inclusão bem sucedidos em diversas áreas como esporte, cultura e educação também serão apresentados. Além disso, pessoas com deficiência e seus familiares também farão relatos de vida e apresentarão seus desafios e expectativas para melhoria das condições de vida.

Ainda dá tempo de participar - As inscrições para o Seminário são gratuitas e podem ser feitas até o início do evento na sede do campus de Breves. A coordenação espera receber cerca de 230 pessoas entre a comunidade acadêmica, sociedade civil, poder público local e representantes de comerciantes e empresários locais.

“Desejamos sensibilizar o máximo possível de pessoas e refletir com elas sobre a necessidade de apoio aos PcDs, ou seja, de abrir espaços dentro da sociedade para que eles possam se sentir realmente sujeitos sociais. Apesar de não termos números específicos – e aí está a importância do relatório que será apresentado pelo Movimento para a Inclusão no Marajó – é visível entre a população a presença de pessoas com deficiência”, detalha Ronaldo Oliveira, coordenador do campus de Breves e um dos organizadores do evento.

Mais reflexão e ação - O professor da UFPA explica que dos 1.200 alunos do campus de Breves, há três estudantes PcDs, dois alunos cadeirantes e um com deficiências múltiplas. “Mas como eles circulam? Os barcos e demais meios de transportem estão aptos para garantir a locomoção de todos? As escolas estão preparadas para recebê-los? Nem mesmo no campus temos estrutura ou corpo qualificado para atender a este público”, questionam os organizadores do Seminário.

“O que é preciso ser feito e o que cada instituição pode fazer para promover a inclusão dos deficientes no Marajó? Despertar as pessoas para esse debate é o objetivo do seminário e se, após, ele mais ONGs, secretarias municipais, pesquisadores e empresários locais falarem sobre isso e pensarem sobre inclusão, então o evento terá sido bem sucedido”, espera Ronaldo Oliveira.

Serviço:

II Seminário Inclusão de Pessoas com Deficiência no Marajó

Data: 8 e 9 de junho

Local: Auditório II do Campus de Breves

Inscrições gratuitas no local do evento.

Confira a programação completa aqui.

Texto: Glauce Monteiro – Assessoria de Comunicação da UFPA

Foto: Reprodução / Google

 

Copyright © 2016 Instituto de Ciências da Arte - UFPA

Avenida Presidente Vargas, S/N, Praça da República - Belém - Pará - Brasil, CEP 66017-060 - Tel: Secretaria: (91) 3241-5801, Fax: (91) 3241-8369. E-mail: ica@ufpa.br